agencia

Notícias

Atualizado em 06/04/2017 às 19h06

Hospital da Mulher receberá prêmio nacional em reconhecimento ao trabalho desenvolvido

A- A+ Tamanho da Letra
Da Redação - Agência São Luís

Hospital da Mulher receberá prêmio nacional em reconhecimento ao trabalho desenvolvidoO Hospital da Mulher, da Prefeitura de São Luís, foi reconhecido pela Câmara Federal como Hospital Amigo da Mulher. O Prêmio Dr. Pinotti condecora entidades governamentais ou não governamentais cujos trabalhos ou ações na promoção do acesso e na qualificação dos serviços de Saúde da Mulher sejam merecedores de destaque e reconhecimento em âmbito nacional.

O prefeito Edivaldo comemorou o reconhecimento e destacou os avanços no Hospital da Mulher em sua gestão. "Na nossa administração, o Hospital da Mulher passou por uma reformulação, que não somente reformou a unidade, mas implantou serviços antes não existentes na rede de saúde, como a neurocirurgia. A partir daí, foram implantados os novos serviços e adquiridos equipamentos que estão gerando maior eficiência da atenção hospitalar, com níveis satisfatórios de qualidade", frisou.

O prêmio Dr. Pinotti foi instituído pela Resolução n.º 15/2009 da Câmara dos Deputados e atualizado pela Resolução nº 52/2014. Cada um dos membros do Congresso indica uma entidade. Um Conselho formado por um representante de cada partido político com assento na Câmara dos Deputados faz a seleção dos premiados. As cinco entidades de saúde homenageadas nesta edição vão receber os diplomas de menção honrosa em solenidade no Salão Nobre da Câmara dos Deputados no dia 24 de maio.

"A premiação dá uma visibilidade nacional ao acerto da gestão do prefeito Edivaldo, que decidiu investir de forma permanente no Hospital da Mulher, reestruturando a unidade, implantando novos serviços e capacitando profissionais. Como resultado temos um hospital que se tornou referência e oferece assistência de qualidade e humanizada, respondendo com eficiência às demandas da população. Esse reconhecimento reforça o compromisso da Prefeitura em continuar trabalhando para que toda a rede de saúde de São Luís tenha excelência na prestação de serviços", destacou a secretária municipal de saúde, Helena Duailibe.

A indicação do Hospital da Mulher para o prêmio foi uma iniciativa do deputado federal Pedro Fernandes."O reconhecimento nacional aos relevantes serviços prestados pelo Hospital da Mulher, agraciando-o com esse o prêmio Dr. Pinotti, só confirma a importância do trabalho executado na unidade, o que me enche de orgulho, principalmente por ter sido eu o parlamentar autor da indicação. Estou muito feliz que a menção tenha sido avaliada positivamente e agraciado esta casa de saúde tão necessária para nossa população", disse o deputado Pedro Fernandes.

Totalmente reformado e reativado, no primeiro ano da gestão do prefeito Edivaldo a unidade se transformou em referência em saúde da mulher no estado. O Hospital da Mulher teve ampliado o número de leitos de internação de 24 para 50. Houve ainda a implantação de 10 leitos de UTI e de serviços de diagnóstico por imagem, como tomografia computadorizada, raio X e ultrassom. Eletroneuromiografia, biópsias, punção de mama e de tireóide, retirada de nódulos benignos também estão na lista de serviços oferecidos às pacientes.

Nos últimos três anos, o investimento da Prefeitura no Hospital da Mulher transformou a unidade de saúde - que em 2013 estava praticamente fechada - em um hospital de referência no atendimento à saúde feminina. Em 2016, o hospital contabilizou quase 228 mil atendimentos e procedimentos e em áreas como a saúde da mulher quanto em outras especialidades, destes e 1.244 cirurgias eletivas.

"Esse prêmio é um reconhecimento ao trabalho conjunto de diferentes profissionais em todos os níveis de atendimentos do Hospital da Mulher, onde vivenciamos uma rotina de respeito à vida humana e de atendimento qualificado e resolutivo, que assegura atenção integral aos usuários. Certamente é um estímulo para continuarmos implantando melhorias que beneficiem os pacientes com assistência humanizada", disse a diretora do hospital, Natália Mandarino.

ESPECIALIDADES

Entre as especialidades ofertadas no local estão cardiologia, clínica médica, endocrinologista, ortopedista, ginecologista clínica e cirúrgica, gastroenterologista, hematologista, neurologista, pneumologista, urologista, proctologista, mastologolia - que estava paralisado e voltou a ser implantado e além de neurocirurgia. O Hospital da Mulher realiza ainda procedimentos cirúrgicos para tratar aneurismas, tumores e traumas raquimedulares e demais serviços na neurologia. A unidade também presta assistência a pacientes do interior do estado.

O atendimento prestado pelo Hospital da Mulher tem o reconhecimento da população. A aposentada Maria Barros Reis, 65 anos, relata que realiza na unidade todas as consultas que precisa. "Faço tudo aqui. Todas as vezes que precisei de algum tratamento, fui muito bem atendida", disse.

Acompanhando a mãe que acabou de se submeter a uma cirurgia ginecológica no Hospital da Mulher, a autônoma Luiza Gonçalves dos Santos, 46 anos, também relata sua satisfação com o atendimento prestado na unidade. "Achei o atendimento excelente aqui. Minha mãe já é idosa e teve toda a atenção que precisava, da consulta pré-operatória à cirurgia", disse.

"A restauração desse hospital foi um dos maiores benefícios já realizados em São Luís. Eu e minha família já realizamos diversos procedimentos aqui. Este mês, por exemplo, estou realizando todos os exames preventivos ginecológicos e de mama também. Foi aqui também que meu marido acabou de passar por um cirurgia e se recupera bem, com toda a atenção da equipe que o atendeu", relata a dona de casa Janilce Araújo Amorim, 53 anos.

Uma das especialidades implantadas no Hospital da mulher e que se destina tanto a elas quanto a eles é a neurocirurgia, implanta em 2014 e habilitada pelo Ministério da Saúde como referência de assistência em alta complexidade nesta especialidade médica. A habilitação foi publicada, no último dia 15 de abril, pelo Governo Federal no Diário Oficial da União (Portaria nº. 376).

Ao habilitar o Hospital da Mulher para alta complexidade em neurocirurgia, o Ministério da Saúde confirma que a unidade de saúde está proporcionando aos maranhenses uma rede de saúde com qualidade e reconhece a importância dos investimentos que a atual gestão tem realizado. O processo para a habilitação em referência de alta complexidade de neurocirurgia seguiu um roteiro de adaptações, uma lista de requisitos técnicos de pessoal e de espaço físico, conforme diretrizes estabelecidas pela Secretaria de Atenção à Saúde do Ministério da Saúde (MS).

SOBRE O PRÊMIO

A escolha do nome do médico ginecologista e político brasileiro José Aristodemo Pinotti para simbolizar o Prêmio se justifica pela atuação marcante em defesa da saúde da mulher.

 

Acesse aqui a galeria de imagens desta reportagem