agencia

Notícias

Atualizado em 13/06/2017 às 16h56

Prefeitura sensibiliza professores e profissionais da saúde para o combate ao trabalho infantil

A- A+ Tamanho da Letra
Da Redação - Agência São Luís

A Prefeitura de São Luís, por meio das Secretarias Municipais de Saúde (Semus), da Criança e Assistência Social (Semcas) iniciou uma programação alusiva ao combate ao trabalho infantil. Técnicos do Centro de Referência em Saúde do Trabalhador (Cerest Regional São Luís) e Programa Saúde na Escola estão ministrando uma série de oficinas para sensibilizar sobre a ilegalidade e aos riscos do trabalho infantil, na proposta definida pela Organização Internacional do Trabalho (OIT).

O público-alvo das palestras são professores das redes municipal e estadual de ensino e trabalhadores das unidades de saúde, que vão receber informações para capacitá-los a identificar situações de exploração da mão de obra infantil e os encaminhamentos que devem ser dados para acionar os órgãos competentes.

A secretária municipal de Saúde, Helena Duailibe, explica que a sensibilização dos profissionais da rede municipal é uma importante estratégia para enfrentar o problema. "O trabalho infantil, além de ser uma grave violação aos direitos humanos, é altamente nocivo à saúde, e as unidades são a porta de entrada dessas crianças e adolescentes vítimas de possíveis danos; por isso, é fundamental que o trabalhador da saúde saiba reconhecer essas situações", disse.

"Entendemos que toda criança tem o direito de ter sua infância protegida e por conta disso, o Prefeito Edivaldo, determinou que crianças e adolescentes sejam prioridade em sua gestão. Para tal, atuamos em várias frentes de trabalho para que esse público tenha seus direitos garantidos e possam se desenvolver de forma saudável", disse a titular da Semcas, Andreia Lauande.

As oficinas, que já foram realizadas no Hospital da Criança e nas unidades escolares Desembargador Sarney e Monsenhor Frederico Chaves, têm sempre a participação de conselheiros tutelares das áreas envolvidas. Durante todo o mês de junho as ações vão acontecer nas escolas Henrique de la Roque e Prof. Rubem Goulart, no posto de saúde do Anil e nas secretarias municipais de Paço do Lumiar e Raposa.