agencia

Notícias

Atualizado em 20/12/2017 às 15h50

Estudantes da rede municipal celebram Natal com cantata na Igreja da Sé

A- A+ Tamanho da Letra
Da Redação - Agência São Luís

Com música e teatro, as crianças encenaram o nascimento de Jesus Cristo

O clima de Natal tomou conta da Igreja da Sé quando mais de 300 estudantes da Educação Infantil e do Ensino Fundamental da rede municipal de ensino apresentaram a 'Cantata Natalina', promovida pela Prefeitura de São Luís por meio da Secretaria Municipal de Educação (Semed) na tarde desta terça-feira (19). Com música e teatro, as crianças encenaram uma das mais marcantes histórias da humanidade, o nascimento de Jesus Cristo. Os estudantes da Escola Municipal de Música de São Luís (EMMUS) e o coral infantil Maestro Nonato, da Escola de Música de São José de Ribamar, também participaram do evento.

A primeira-dama de São Luís, Camila Holanda, destacou a qualidade das apresentações. "As apresentações estão fantásticas. Muito bom ver um trabalho como este, tendo a arte e a cultura inseridas na educação. Desejamos a todos um feliz Natal e que Jesus renasça no coração de cada um de nós" disse a primeira-dama.

O secretário municipal de Educação, Moacir Feitosa, falou da importância do ensino da música e das artes aos estudantes das escolas públicas. "Este é um momento especial. Estamos celebrando o nascimento de Cristo, que fala de amor e de respeito ao próximo. Os estudantes, professores, gestores e demais envolvidos na organização deste evento estão de parabéns. A todos o meu abraço e do prefeito Edivaldo, com a certeza de que em 2018 teremos mudanças muito mais significativas e profundas na Educação de São Luís, com reflexo na aprendizagem e no desenvolvimento dos nossos estudantes", assinalou Moacir Feitosa.

 

A 'Cantata Natalina' reuniu estudantes das unidades de Educação Básica Olívio Castelo Branco, Pastor Estevan Ângelo de Sousa, Professor Rubem Teixeira Goulart, Uruati, Maria Alice Coutinho, Dr. Neto Guterres e Anexo II Esperança do Amanhã. Eles levaram muita alegria e emoção aos pais e professores que acompanharam as apresentações.

UNIÃO

Para a dona de casa Julielma Viveiros Martins, a data representa, além do nascimento de Cristo, a força e a unidade da família. "Estou muito feliz e emocionada de ver a minha filha aqui, cantando, não tem nada que pague ver o sorriso no rosto dela", disse ela que é mãe de Pâmmella Martins Ribeiro, de 4 anos, estudante da creche Olívio Castelo Branco.

Ana Beatriz Gomes Ferreira, 11 anos, aluna do 4º ano na U.E.B. Rubem Teixeira Goulart, disse que precisou ensaiar bastante para se apresentar pela primeira vez na 'Cantata Natalina'. "É a primeira vez que participo de um coral. Estou muito feliz, pois tive o apoio dos meus pais e também da minha professora", falou Ana Beatriz, destacando que a data representa para ela o nascimento do Filho de Deus.

A professora Jousy Anny Macêdo, do Infantil II na U.E.B. Olívio Castelo Branco, conta que é o terceiro ano que a escola participa da 'Cantata Natalina'. "É um grande aprendizado para os estudantes, não é só o cantar pelo cantar, mas envolve muito aprendizado. Estou muito feliz e satisfeita com o resultado do nosso trabalho. É gratificante perceber o quanto as crianças se envolvem. A cantata é um projeto que ensina a criança por meio da música, de uma forma lúdica. A criança aprende sobre o amor de Cristo, e outros ensinamentos e valores que ela vai levar para toda vida" ressaltou a professora.

A Unidade de Educação Básica Rubem Teixeira Goulart, na Cohab Anil III, levou 50 estudantes do 2º e 4º ano para participar do evento. À frente do coral, os personagens bíblicos, os três reis magos, Maria, e a estrela que guiou os reis magos, encenavam o nascimento de Jesus para o público presente.

A professora Adriana Magalhães Fajardo, gestora da unidade, conta que o coral é formado por um grupo maior de estudantes, que farão a encenação para os pais, responsáveis e toda a comunidade escolar nesta quinta-feira (21), às 8h. "Esse é um momento muito especial para nós, pois sabemos que a música contribui para o desenvolvimento da criança, cognitivo, emocional.Nem todos puderam participar hoje, mas creio que teremos uma grande festa, no dia 21, com a participação de todos os estudantes e comunidade escolar" assinalou Adriana Fajardo.

Acesse aqui a galeria de imagens desta reportagem