agencia

Notícias

Terça-feira, 15/05/2018 - 17h33

Prefeitura de São Luís promove curso "Cuidando do Cuidador"

A formação é voltada para profissionais dos Serviços de Acolhimento Institucional e Familiar que atuam nos Serviços de Acolhimento e em Instituições da Sociedade Civil

A- A+ Tamanho da Letra
Da Redação - Agência São Luís

A formação, que acontece até a sexta-feira (18), é voltada para profissionais dos Serviços de Acolhimento Institucional e Familiar

"Quando eu comecei há quatro anos, não tinha experiência com o público que eu trabalho. Eu já havia cuidado de idoso, criança, mas não com população de rua. Esse é um trabalho desafiador, porque temos contato com as mais diversas histórias de vida.Ter um curso que olhe para gente é muito importante", diz o cuidador Social, Israel Sousa da Silva. Israel trabalha no Abrigo para Pessoas em Situação de Rua do sexo masculino, da Prefeitura de São Luís, e é um dos 120 participantes do curso "Cuidando do Cuidador", promovido pela Prefeitura de São Luís, por meio da Secretaria Municipal da Criança e Assistência Social (Semcas).

O curso, iniciado na manhã desta terça-feira (15), vai até a sexta-feira (18), e acontece no Espaço Orienta, no Renascença. A formação é voltada para profissionais dos Serviços de Acolhimento Institucional e Familiar que atuam nos Serviços de Acolhimento da Semcas e em Instituições da Sociedade Civil.

A superintende dos Serviços da Alta Complexidade da Semcas, Amparo Seibel, destaca a relevância da capacitação. "Para nós, é de fundamental importância o processo de investimento no cuidado com as pessoas que atuam nos serviços de acolhimento, pois o dia-a-dia é muito intenso. Nós funcionamos 24h, então precisamos parar em um determinado momento e dar atenção para essas pessoas de forma mais especial. Ao fazer isso, ajudamos os servidores a se fortalecerem para suas rotinas e, por consequência, também qualificamos o trabalho", explicou.

Esse é segundo curso realizado pela Semcas com o apoio do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (CMDCA), através do Projeto Acolher para Qualificar, executado com recursos Fundo Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente.

Os cuidadores sociais atuam na recepção e apoio ao público atendido nas unidades de acolhimento, sejam eles crianças, jovens, adultos, pessoa com deficiência ou idosos. Eles desenvolvem atividades de cuidados básicos essenciais, apoiando e monitorando durante as atividades de higiene, organização, alimentação e lazer; e acompanham nos serviços de saúde, educação, entre outros.

A facilitadora do curso "Cuidando do Cuidador" Roseane Moraes, explica a metodologia desenvolvida. "Nós buscamos desenvolver reflexões e percepções, a partir da consciência de si, do outro e do ambiente de trabalho. Assim, ajudamos eles a potencializarem a capacidade de lidar com as emoções, no enfrentamento das diversidades e o trabalho na perspectiva do autocuidado", disse.

ACOLHIMENTO

Os abrigos institucionais estão distribuídos nas modalidades: Abrigo para população adulta de rua (homens); Casa de Acolhida Temporária (Famílias e Adultos); Residência Inclusiva (pessoa adulta com deficiência); Abrigo Institucional para adolescentes; Casa de Passagem (crianças). A Semcas possui, ainda, convênio com duas instituições para atendimento de criança e adolescentes, são elas: Grupo Solidariedade é Vida/Casa Sonho de Criança e Servos da Divina Providência/Lar Calábria, esta última executando o Acolhimento em seis Casas Lares.

Acesse aqui a galeria de imagens desta reportagem