agencia

Notícias

Quinta-feira, 20/09/2018 - 14h57

Prefeitura empossa membros do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (CMDCA)

Foram empossados 28 conselheiros que farão parte da 13ª gestão para o biênio 2018-2020; órgão é deliberativo e tem como um dos objetivos acompanhar as políticas públicas voltadas para a infância e adolescência no município

A- A+ Tamanho da Letra
Da Redação - Agência São Luís

Membros do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente tomaram posse nesta quinta-feira (20)A Prefeitura de São Luís empossou, nesta quinta-feira (20), os novos membros do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (CMDCA). O conselho é composto por 28 conselheiros, sendo 14 membros titulares e 14 suplentes, que farão parte da 13ª gestão para o biênio 2018-2020. O vice-prefeito Julio Pinheiro representou o prefeito Edivaldo na cerimônia, realizada no auditório da Secretaria Municipal de Saúde (Semus),. 

O Conselho Municipal dos Diretos das Crianças e Adolescentes é um órgão deliberativo e monitorar das políticas públicas para a infância e adolescência no município. O conselho também é monitorador das ações do poder público e gestor do Fundo Municipal de Direitos da Criança e do Adolescente (FMDCA). "Os conselheiros empossados hoje têm papel importante na defesa dos direitos da criança e do adolescente, uma das prioridades da gestão do prefeito Edivaldo", destacou o vice-prefeito, Julio Pinheiro.

A titular da Secretaria Municipal de Assistência Social (Semcas), Andréia Lauande, reforçou o empenho do poder executivo municipal em colocar a criança e o adolescente como prioridade na política pública. "Na gestão do prefeito Edivaldo, avançamos na garantia dos direitos desse público. É importante termos clareza que a defesa da infância é construída diariamente nas diversas instâncias", destacou a secretária.

O CMDCA é composto por representantes do poder público e Organizações da Sociedade Civil (OSC). Representando o poder público municipal estão as secretarias municipais de Assistência Social, Governo, Educação, Saúde, Turismo, Desporto e Lazer e Câmara de Vereadores de São Luís. Entre as OSC estão, Centro de Defesa Marcos Passerini, Associação de Donas de Casa do Salinas do Sacavém, Instituto de Apoio da Mulher e da Criança, Associação Comunitária Itaqui-Bacanga, entre outras.

Para a representante do Centro de Defesa Marcos Passerini, Maria Ribeiro, o trabalho articulado entre as organizações é uma marca das instituições que atuam com essa política. "A partir do momento que estamos no conselho, nossa função vai além de provocar o poder público na execução das políticas, nós construímos juntos deliberando e monitorando, para o real cumprimento das políticas publicas, assim, conseguimos que os direitos sejam garantidos e a melhor forma de fazer isso é agindo em conjunto", disse a conselheira empossada.

Acesse aqui a galeria de imagens desta reportagem