agencia

Notícias

Sexta-feira, 07/12/2018 - 09h34

Beneficiários de Prestação Continuada têm até dia 31 de dezembro para inscrever-se no Cadastro Único

Idosos acima de 65 anos e pessoas com deficiência devem procurar os Centros de Referência da Assistência Social (Cras) da capital; o não cadastramento implicará na perda do benefício que é concedido pelo Governo Federal

A- A+ Tamanho da Letra
Da Redação - Agência São Luís

Cadastro poderá ser efetuado até o dia 31 de dezembro nas unidades do Cras

A Prefeitura de São Luís alerta idosos acima de 65 anos e pessoas com deficiência, que recebem o Benefício de Prestação Continuada (BPC), para realizarem a inscrição ou atualização cadastral no Cadastro Único para programas sociais do Governo Federal (CadÚnico). Os beneficiários têm até o dia 31 de dezembro para procurar os Centros de Referência da Assistência Social (Cras) da Prefeitura de São Luís para realizar o cadastro. O não cadastramento implica na perda do benefício.Entre as vantagens de fazer parte do Cadastro Único está a possibilidade de participar de programas sociais do governo.

A inscrição e atualização no CadÚnico tem sido solicitada aos beneficiários desde o ano passado e além dos idosos, passou a incluir as pessoas com deficiência. "É muito importante que as pessoas realizem esse procedimento para que continuem recebendo regularmente seu benefício. Esse processo é uma determinação do Ministério do Desenvolvimento Social, então é obrigatório", reforça a titular da Secretaria Municipal da Criança e Assistência Social (Semcas), Andréia Lauande. Para o procedimento, os beneficiários devem procurar um dos 20 Centros de Referência de Assistência Social (Cras) da capital.

O BPC é a garantia de um salário mínimo mensal ao idoso com 65 anos ou mais ou à pessoa com deficiência de qualquer idade com impedimentos de natureza física, mental, intelectual ou sensorial de longo prazo, que o impossibilite de participar de forma plena e efetiva na sociedade, em igualdade de condições com as demais pessoas. Um dos requisitos para que o benefício seja recebido é a inscrição no Cadastro Único.

DOCUMENTOS

No cadastro, os idosos e as pessoas com deficiência precisam apresentar RG, CPF, título eleitoral, carteira de trabalho e comprovante de residência atualizado. Caso seja maior de 18 anos; certidão de nascimento ou RG e CPF, declaração escolar atualizada (a partir de 6 anos), carteira de vacinação (0 a 6 anos) e termo de guarda ou responsabilidade, para o caso de netos, sobrinhos e outros, para se inscrever no CadÚnico e garantir a continuidade do benefício.

Acesse aqui a galeria de imagens desta reportagem