agencia

Notícias

Quinta-feira, 07/02/2019 - 09h23

Prefeitura de São Luís intensifica ação de combate ao Aedes aegypti com visitas domiciliares

Agentes de saúde da Prefeitura visitam residências e conscientizam moradores sobre a importância do combate ao mosquito que transmite dengue, zika e chikungunya; ação integra a política de saúde da gestão do prefeito Edivaldo

A- A+ Tamanho da Letra
Da Redação - Agência São Luís

Agente de saúde da Prefeitura de São Luís analisa depósito de água em casa no João PauloEquipes de agentes de endemias estão por toda a cidade realizando o trabalho de visitas domiciliares, fundamental para fortalecer as ações de combate ao Aedes aegypti realizadas pela Prefeitura de São Luís. O objetivo da atividade é, orientando os moradores, eliminar os focos do mosquito nas residências e, assim, reduzir a incidência de dengue, zika e chikungunya, doenças causadas pelo mosquito. O trabalho é incentivado pelo prefeito Edivaldo Holanda Júnior, que tem investido em ações preventivas e educativas de combate ao Aedes.

As intervenções constantes realizadas pelo poder público municipal têm apresentado resultados positivos. De 2017 para 2018, houve a redução de 42,2% nos casos de dengue, 61,6% de chikungunya e 56,3% de zika, totalizando uma redução de 48,6% nos casos notificados de arboviroses de um ano para o outro.

O secretário municipal de Saúde, Lula Fylho, explica que essa é uma ação rotineira que é intensificada durante o período chuvoso, quando os cuidados precisam ser redobrados. "Na execução desse trabalho, que segue orientação do prefeito Edivaldo, contamos com a colaboração da população. Portanto, a atuação dos agentes, que de casa em casa orientam os moradores, é fundamental para que tenhamos êxito no objetivo de reduzir os índices das doenças causadas pelo Aedes aegypti", destaca o titular da Secretaria Municipal de Saúde (Semus), que coordena as atividades.

Equipes percorrem bairros por toda a cidade realizando visitas domiciliares e orientando os moradores quanto ao armazenamento adequado de água e acerca de cuidados com recipientes que acumulam água como baldes, pneus velhos, saco plástico, vasos de plantas vazios e garrafas, que devem ser embaladas e descartadas corretamente na lixeira ou de guardadas de boca para baixo. "Esse nosso trabalho é muito importante para a conscientização dos moradores", conta a agente de endemias e supervisora de área, Cerlande Britto.

A aposentada Vilma Garcês, moradora do João Paulo há mais de 60 anos, recebeu a visita dos agentes nesta quarta-feira (6). "Sempre abro as portas da minha casa, pois acredito na importância desse trabalho preventivo realizado pelos agentes. Entendo que a nossa contribuição é fundamental para combater o mosquito", contou a moradora. "Sempre sigo as orientações e acredito que esse trabalho é importante para preservar a saúde de toda a nossa comunidade", complementou o morador Jorge Luís Chagas.

Além das visitas domiciliares, a gestão tem investido em uma série de ações integradas para eliminar criadouros do mosquito, como atividades educativas e vistorias em estabelecimentos. Também se destaca o recolhimento de mais de 100 mil unidades de pneus inservíveis na capital realizado no ano passado por meio das secretarias municipais de Obras e Serviços Públicos (Semosp) e Saúde (Semus); e o trabalho de limpeza, promovido regularmente pelo Comitê Gestor de Limpeza Urbana.

LIMPEZA URBANA

Em uma ação integrada da Semus com o Comitê Gestor de Limpeza Urbana, os serviços de limpeza também estão sendo intensificados desde o início do ano, quando começa o período chuvoso em São Luís. O planejamento conta com ações de capina, roçagem, varrição, lavagem de logradouros, coleta domiciliar e remoção de lixo em pontos de descarte irregular para garantir uma cidade mais limpa, além de contribuir para a prevenção de doenças e também para facilitar o escoamento das águas das chuvas, evitando pontos de acúmulo em diversos bairros da cidade ocasionado pelo descarte irregular de lixo.

A presidente do Comitê Gestor de Limpeza Urbana, Carolina Moraes Estrela, informa que a limpeza urbana abrange diversas áreas e traz benefícios à população. "Por meio dos serviços de limpeza urbana garantimos a melhoria da saúde pública, a proteção do meio ambiente, uma paisagem urbana mais agradável e o bem-estar dos moradores, por isso, a população deve fazer sua parte neste processo. É fundamental que cada morador cuide do seu lixo da forma correta", afirma.

Acesse aqui a galeria de imagens desta reportagem