agencia

Notícias

Sábado, 09/02/2019 - 09h18

Prefeitura e Acimavil encerram edição 2018 do Projeto Oportunizar com certificação de alunos

Cerimônia certificou alunos do curso de Informática e Operador de Caixa que concluíram o projeto, uma das ações da política de assistência social da gestão do prefeito Edivaldo que visa promover a geração de emprego e renda

A- A+ Tamanho da Letra
Da Redação - Agência São Luís

Jovens e adultos que concluíram o curso estão aptos para o mercado de trabalhoA Prefeitura de São Luís, por meio da Secretaria Municipal da Criança e Assistência Social (Semcas), em parceria com a Associação Comercial, Industrial e de Serviços dos Bairros Divineia, Sol e Mar, e Vila Luizão (Acimavil) certificou, na noite de sexta-feira (8), 26 jovens e adultos nos cursos de Informática e Operador de Caixa, participantes do Projeto Oportunizar. A cerimônia de certificação encerrou a edição de 2018 do projeto que é uma das ações que integram a política de assistência social da gestão do prefeito Edivaldo Holanda Júnior e tem como objetivo promover a qualificação profissional e, consequentemente, fomentar a geração de emprego e renda.

"Para a maioria das pessoas, fazer uma capacitação é só uma questão de disponibilidade de tempo, mas nesse projeto é diferente. Muitos são mães, pais de família e isso implica em vários compromissos. A gestão do prefeito Edivaldo, diante dessa diversidade, uniu esforços junto à Acimavil, para contribuir na qualificação profissionalização", explicou a secretária da Semcas, Andréia Lauande.

Na edição de 2018 para os cursos de Operador de Caixa, Informática e Produção de Doces e Salgados foram ofertadas 60 vagas. A primeira turma a ser certificada, ainda em outubro do ano passado, foi a de Produção de Doces e Salgados que capacitou 20 mulheres. Os participantes do projeto são pessoas atendidas pelo Centro de Referência da Assistência Social (Cras) da região do Turu, residentes nos bairros da Divineia, Sol e Mar, Vila Luizão, Turu e adjacências.

Na formação de Operador de Caixa, por exemplo, foi desenvolvida a capacidade de compreender a operação técnica em si, o atendimento ao cliente e reforço no estudo das quatro operações básicas de matemática. O projeto de capacitação abrange também, temas como preparação para uma entrevista de emprego, ética e cidadania e direitos do trabalhador. Os cursos certificados hoje foram ministrados pela instituição contratada DataControl.

OPORTUNIDADE

Marliude de Souza, 32 anos, atendida pelo Cras Turu é mãe de duas crianças e está desempregada. Para sustentar a família realiza trabalhos diversos e afirma o quanto essa certificação será importante para o currículo dela. "Eu ainda não havia feito nenhuma capacitação como essa. Tudo que eu sei foi com a experiência do dia a dia, e o mercado de trabalho exige a comprovação da habilidade para contratar e agora eu já posso cumprir essa exigência", argumentou Marliude.

O presidente da Acimavil, Antônio Sousa, destaca a importância das parcerias. "Em alguns momentos não acreditei na viabilidade dessas ações, mas hoje, dois anos depois, é com muita alegria que vejo os frutos do trabalho e do esforço de todos. Aproveito para agradecer a empresa DataControl, pois eles chegaram a reduzir os valores dos cursos, contribuindo assim, para garantir a capacitação de todos", destacou Antônio Sousa. Ainda durante a solenidade, a empresa sorteou três bolsas de estudos para os cursos de Telemarketing, Contabilidade e Administrativo.

CAPACITAÇÃO

Em dois anos, o Projeto Oportunizar qualificou e certificou 100 pessoas em cursos como Informática, Operador de Caixa, Mecânica de Bike e Motos, Auxiliar Administrativo, Doces e Salgados, Empreendedorismo. Ele foi criado com o objetivo de educar adolescentes, jovens e adultos para o mundo do trabalho, através de um conjunto de ações educativas, que envolvem oficinas, cursos de qualificação profissional e vivências práticas.

Acesse aqui a galeria de imagens desta reportagem