agencia

Notícias

Sexta-feira, 01/03/2019 - 18h35

Prefeitura garante alimento do Programa Peixe Solidário à famílias do Amendoeira e Vicente Fialho

Ao todo, o programa já distribuiu mais de um milhão de toneladas de peixe, contemplando aproximadamente 700 mil famílias

A- A+ Tamanho da Letra
Da Redação - Agência São Luís

Nesta sexta-feira (1º), foram beneficiados moradores do Residencial Amendoeira e da Vila Vicente Fialho

"Peixe é um alimento excelente, nutritivo e meus filhos adoram", disse a dona de casa Ana Lúcia Araújo Lobato, uma das cerca de 2.600 pessoas beneficiadas por ação do programa Peixe Solidário, realizada nesta sexta-feira (1º), no Residencial Amendoeira e na Vila Vicente Fialho. A iniciativa reforça as ações de segurança alimentar desenvolvidas na gestão do prefeito Edivaldo Holanda Júnior, para garantir o acesso ao alimento às populações em situação de vulnerabilidade social e insegurança alimentar, em São Luís. Ao todo, o programa já distribuiu mais de um milhão de toneladas de peixe, contemplando aproximadamente 700 mil famílias.

Nesta sexta-feira (1º), nas duas comunidades, Residencial Amendoeira e Vicente Fialho, a Prefeitura distribuiu cerca de seis toneladas de peixe, sob a coordenação da Secretaria Municipal de Segurança Alimentar (Semsa).

A titular da Semsa, Fátima Ribeiro, destacou o programa como uma ação primordial à garantia do direito humano à alimentação adequada, preconizada por lei. "O prefeito Edivaldo tem o Peixe Solidário como um de seus programas prioritários, porque atende a uma necessidade básica da população mais carente da capital, combatendo a fome e a desnutrição de famílias e indivíduos da nossa cidade", observou Fátima Ribeiro.

A ação visa ainda promover a melhoria dos padrões de saúde e de qualidade de vida da população carente, através da distribuição gratuita de alimentos que auxiliam no combate às carências nutricionais da população. "E o peixe é um alimento considerado essencial ao suprimento das necessidades nutricionais das pessoas", frisou Fátima Ribeiro.

Entre os bairros já beneficiados pelo programa estão as comunidades da Portelinha, Sá Viana, Cidade Olímpica, Vila Romário, Mauro Fecury II, Vila Embratel, Vila Cascavel, Vila Sarney, Rio Anil, Vila Conceição, entre outras. No sábado (9), o programa estará no Anjo da Guarda, em ação social realizada no Hospital da Mulher, em comemoração ao Dia Internacional da Mulher, celebrado em 8 de março.

A distribuição do peixe prioriza o público inscrito no Cadastro Único (CadÚnico) e Bolsa Família; e os cadastrados nos Centros de Referência de Assistência Social (Creas). O programa Peixe Solidário é promovido em parceria com o Governo Federal.

O programa atende a famílias como a do porteiro Gilson Ferreira, 40 anos, morador do Residencial Amendoeira. "É uma ação muito importante, principalmente nesse momento de crise que o país vive e com tanta gente desempregada. Peixe é saudável e todos nós gostamos bastante lá em casa", relatou.

Pensamento similar tem Ana Carmem Pinheiro, 38 anos, três filhos. "Receber um alimento como este é fundamental para quem vive de bico e com tantas crianças para alimentar. Cheguei bem cedo na fila para garantir nossa refeição por muitos dias", disse ela.

Acesse aqui a galeria de imagens desta reportagem