agencia

Notícias

Quinta-feira, 14/03/2019 - 14h56

Prefeitura leva campanha de vacinação antirrábica a novos bairros nesta sexta (15) e sábado (16)

Cinquenta mil animais já foram vacinados desde o início da campanha; ações prosseguem com visitas domiciliares dos agentes de saúde da Prefeitura de São Luís que este fim de semana dá continuidade às imunizações nos bairros, seguindo orientação do prefeito Edivaldo

A- A+ Tamanho da Letra
Da Redação - Agência São Luís

Campanha antirrábica da Prefeitura de São Luís já imunizou mais de 50 mil cães e gatos em São LuísA Prefeitura de São Luís segue com as ações da campanha de vacinação contra a raiva animal. Mais de 50 mil animais já foram vacinados na cidade, sendo 31.945 cães e 18.219 gatos. Em São Luís, a Campanha de Vacinação Antirrábica, iniciada em fevereiro deste ano, é coordenada pela Secretaria Municipal de Saúde (Semus), por meio da Unidade de Vigilância Epidemiológica (UVZ). Neste fim de semana, sexta (15) e sábado (16), equipes percorrem novos bairros. A meta é vacinar 160 mil animais até o mês de abril. O trabalho é incentivado pelo prefeito Edivaldo Holanda Júnior, que tem a saúde como uma das áreas prioritárias da sua gestão.

Nesta sexta-feira (15), a ação alcança bairros como Vila Luizão, Divineia, Sol e Mar, Brisa do Mar, Vila Litorânea, Planalto Anil II, Cohab IV, Turu, Chácara Brasil, Terra Livre, Parque Vitória, Habitacional Turu, Novo Angelim, Pão de Açúcar e Olho d'Água. Já no sábado (16), recebem as ações bairros como Jardim de Fátima, Cohab Anil I e II, Cohatrac I, II, III e IV, Residencial Primavera, Parque Vitória, Recanto Turu I, Jardim das Margaridas, Planalto Anil II e III, Itapiracó, Aurora, Santa Rosa, Bom Jardim, Turu, Forquilha e Residencial Canudos.

A cidade de São Luís não registra casos de raiva desde 2013, e desde o início da gestão do prefeito Edivaldo são promovidas medidas para manter o controle epidemiológico. As campanhas são anuais e, além do trabalho porta à porta, o poder público municipal disponibiliza ainda as vacinas em unidades de saúde, a fim de facilitar o acesso à imunização.

O secretário municipal de Saúde, Lula Fylho, destaca o esforço da gestão do prefeito Edivaldo para manter a cidade livre de casos da doença. "Por determinação do prefeito Edivaldo, o município não mede esforços para manter a população protegida contra esta doença. O último caso da doença em São Luís foi em 2013 devido ao esforço do poder público em manter um controle epidemiológico rigoroso", disse o titular da Semus.

A campanha está sendo realizada desde o início de fevereiro, às sextas-feiras, das 13h às 17h, e aos sábados, das 7h às 13h, com a visita dos vacinadores casa a casa. Desde o início da ação, três áreas de São Luís, classificadas pela Unidade de Vigilância Epidemiológica como distritos, já foram imunizadas: o Distrito Centro, com mais de 9.300 cães e gatos vacinados; o Distrito Coroadinho, com um total de 22.500 animais imunizados; e o Distrito Bequimão, com cerca de 9.300 doses aplicadas.

RAIVA

A raiva é uma zoonose fatal que pode ser transmitida através da mordida ou arranhadura do animal que, uma vez contaminado, vai perdendo domínio de sua capacidade de resistência física e psíquica para se tornar abatido, irritadiço, agressivo e descoordenado em todos os sentidos. Não existe cura e nem tratamento para a raiva, mas a doença pode ser evitada com a vacinação do animal, pela primeira vez aos quatro meses de vida e, depois, anualmente. Os animais só não serão imunizados, caso estejam doentes ou no último mês de gestação (caso das fêmeas).

Acesse aqui a galeria de imagens desta reportagem