agencia

Notícias

Terça-feira, 21/05/2019 - 15h22

Gestão do prefeito Edivaldo fomenta economia entre pequenos comerciantes com programação na Sala do Empreendedor

Programação é realizada em parceria com o Sebrae e integra Semana do MEI; iniciativa é parte das ações de estímulo à economia local colocadas em prática pelo prefeito Edivaldo

A- A+ Tamanho da Letra
Da Redação - Agência São Luís

Gestão do prefeito Edivaldo fomenta o empreendedorismo de micro e pequenos comerciantes na Semana do MEI

A Sala do Empreendedor, uma iniciativa da gestão do prefeito Edivaldo Holanda Junior e  que funciona nas instalações do Centro de Trabalho e Cidadania - Casa Brasil, no Anjo da Guarda, intensificou esta semana o fomento ao empreendedorismo com a oferta de uma vasta programação que contempla oficinas, palestras e orientações técnicas durante a Semana do Microempreendedor Individual (MEI). A programação, realizada pelo Serviço Brasileiro de Apoio às Micros e Pequenas Empresas (Sebrae-MA) em parceria com a Prefeitura de São Luís, foi aberta nesta terça-feira (21). A Sala do Empreendedor foi escolhida para participar do evento por já desenvolver ações com o objetivo de simplificar, agilizar e desburocratizar os processos de abertura, formalização e baixa de empresas na capital, bem como prestar orientação e capacitação aos microempreendedores.

A abertura da Semana do MEI contou com a presença do secretário municipal de Planejamento e Desenvolvimento (Seplan), José Cursino Raposo Moreira, e do gerente da Unidade Regional do Sebrae em São Luís, Mauro Borges Formiga. A iniciativa, promovida pelo Sebrae e parceiros em todo o país, prossegue até sexta (24) e a programação na Sala do Empreendedor será realizada até quinta (23).

O titular da Seplan, José Cursino Moreira, destacou a importância do evento no processo de orientação aos pequenos empreendedores locais, durante a Semana do MEI, quando são intensificadas as ações no sentido de ampliar a oferta dos serviços que já são prestados na Sala do Empreendedor para a abertura e formalização de pequenos negócios, principalmente aos moradores da região Itaqui-Bacanga, onde está localizada o espaço.

"O prefeito Edivaldo entende o estímulo ao empreendedorismo como ferramenta fundamental para o desenvolvimento das pessoas e da cidade. E a implantação da Sala do Empreendedor em sua gestão é a mostra mais concreta da importância que ele dá ao empreendedorismo como força motriz para o crescimento dos pequenos empreendedores, do comércio e da economia local de modo geral. Com a Sala do Empreendedor, a gestão do prefeito Edivaldo tem orientado e oportunizado às pessoas formas de resistir à crise e vencer o desemprego", pontuou Cursino Moreira.

O gerente da Unidade do Sebrae São Luís, Mauro Formiga, enfatizou a diversidade de soluções e serviços que a instituição assegura aos microempreendedores individuais através da Sala do Empreendedor e apontou a importância desses negócios – quase 100 mil em todo o Maranhão e cerca de 33 mil em São Luís – no contexto da economia local. Ele enfatizou, ainda, a necessidade de o empreendedor buscar orientação para começar seu negócio e crescer com segurança.

"O MEI vem sendo o principal caminho para a realização do sonho de ter um próprio negócio. Mas, para permanecer no mercado, esses empreendimentos precisam de apoio e suporte técnico. A Semana do MEI tem justamente esse objetivo de levar conhecimento, informação, boas práticas a este público, de modo que o Sebrae possa ajudá-los a crescer e contribuir para o desenvolvimento do estado e de São Luís", observou ele.

O gerente do Sebrae afirmou ainda que neste ano foi agregada à programação do evento a 6ª Semana de Educação Financeira, que tem como objetivo levar ao empreendedor orientações sobre suas necessidades de crédito e sobre o uso dos recursos de forma responsável e equilibrada nas diversas fases do negócio.

PROGRAMAÇÃO

Como parte da Semana do MEI, a Sala do Empreendedor vai ofertar ainda palestras, oficinas e orientações técnicas visando atender cerca de 300 participantes microempreendedores da região Itaqui-Bacanga. O espaço funciona nas instalações do Centro de Trabalho e Cidadania - Casa Brasil, no Anjo da Guarda.

Entre as ações programadas no espaço estão também nesta quarta-feira (22), a palestra 'Microcrédito Orientado', às 9h, e a oficina 'Serviços Online para o MEI', às 14h. A Semana do MEI na Sala do Empreendedor encerra na quinta-feira (23) com as palestras 'Formação de Preço', às 9h, e 'Sei Aumentar as Vendas', às 14h. Todos os dias do evento serão realizados ainda atendimentos aos parceiros, das 9h às 12h e das 14h às 18h, para prestar orientações acerca da formalização e melhoria da gestão do seu negócio e tirar dúvidas com relação à atividade.

Começando a instalar seu próprio negócio na área de estética, a microempreendedora Solange Bezerra de Oliveira, 50 anos, disse que viu nas palestras ofertadas na Sala do Empreendedor uma oportunidade de aprender um pouco mais a administrar seu pequeno negócio. "Temos muitas incertezas quando iniciamos um empreendimento. Por isso decidi participar da palestra porque as informações repassadas sempre nos abrem um leque de conhecimentos importantes, principalmente para quem está começando como eu", disse ela.

A doceira Carliane Lopes, 22 anos, também está começando a profissionalizar sua pequena venda de doces e bombons, que já produz e revende ainda de forma incipiente e na informalidade. "Estou buscando ampliar minha produção e minhas vendas. Por isso quando soube das palestras que ofertariam orientando sobre como aumentar nossas vendas e a calcular melhor o preço dos produtos, eu não hesitei em me inscrever porque preciso muito desse conhecimento", relatou.

Iniciando no ramo de fabricação de sorvetes e picolés, o comerciante Luis Sérgio Lopes analisa as palestras nas quais se inscreveu como fundamentais para ter um melhor direcionamento sobre o seu pequeno empreendimento. "Sei que terei muitas informações importantes. Nada melhor do que entrar em um ramo com conhecimento e a orientação necessária. E é isso que estou buscando aqui na Sala do Empreendedor", concluiu ele.

APOIO

Com a Sala do Empreendedor, a gestão do prefeito Edivaldo tem estimulado a desburocratização e a simplificação do processo de formalização de empresas locais, além de desenvolver no espaço diversas atividades de apoio ao empreendedorismo. No local são prestados serviços básicos necessários à formalização e funcionamento de micro e pequenos negócios. Também fazem parte do conjunto de serviços oferecidos na Sala do Empreendedor a oferta de microcrédito produtivo, em parceria com instituições bancárias; e a realização de cursos, treinamentos, palestras e capacitações.

Todos os serviços no espaço são realizados gratuitamente e implementado com estrutura de informática e funcionários capacitados para prestarem serviço de legalização e formalização do Microempreendedor Individual (MEI), das Microempresas (MPEs) e Empresas de Pequeno Porte (EPPs).

No fim do ano passado, visando reforçar as ações ofertadas no espaço, a Prefeitura de São Luís assinou acordo de cooperação técnica com o Sebrae-MA, para que o serviço passasse a operar fisicamente no local, fazendo parte da Sala do Empreendedor. A partir da assinatura do acordo, a Sala passou a contar com quatro Agentes de Desenvolvimento Local (ADL), devidamente capacitados pelo Sebrae para receber os empreendedores.

Acesse aqui a galeria de imagens desta reportagem