agencia

Notícias

Quarta-feira, 09/10/2019 - 14h58

Escolas da rede municipal da Prefeitura de São Luís intensificam ensaios para a cantata com o coral Mil Vozes de Natal

Iniciativa da gestão do prefeito Edivaldo, evento será em dezembro no Complexo Deodoro e vai reunir mil estudantes de escolas públicas municipais; este ano o espetáculo será inclusivo, com canções interpretadas integralmente em Libras

A- A+ Tamanho da Letra
Da Redação - Agência São Luís

Escolas da rede municipal da Prefeitura de São Luís intensificam ensaios para a cantata com o coral Mil Vozes de NatalEstudantes da rede municipal da Prefeitura de São Luís que integram o coral Mil Vozes de Natal já estão vivendo o clima natalino. Com a aproximação do período das festas de fim de ano as escolas estão intensificando os ensaios das canções e coreografias para a Cantata Natalina, grande apresentação em dezembro, no Complexo Deodoro. O evento é uma iniciativa da gestão do prefeito Edivaldo Holanda Junior coordenado pela Secretaria Municipal de Educação (Semed), por meio da Assessoria de Projetos Especiais.

Este ano o espetáculo será inclusivo, com canções interpretadas integralmente na Linguagem Brasileira de Sinais (Libras). O repertório trará 10 canções que fazem parte do cancioneiro brasileiro, entre elas 'Natal das Crianças', 'Sapatinho de Natal', 'O Homem de Nazaré' e 'A paz', versão em português da música Heal The World, de Michael Jackson.

“Os nossos estudantes estão preparando um lindo espetáculo para oferecer à população de São Luís. Eles apresentarão músicas de natal com coreografias, teatro, apresentação de solistas e muitas surpresas. Será um momento de refletir sobre o verdadeiro sentido do Natal e também de valorizar e reconhecer os talentos dessas crianças que estão se dedicando totalmente”, afirmou o secretário Moacir Feitosa acrescentando que a ação segue determinação do prefeito Edivaldo.

A cantata terá a participação de alunos das Unidades de Educação Básicas (U.E.Bs) Esperança do Amanhã, Rubem Teixeira Goulart, Drª Maria Alice Coutinho e os anexos José Sarney e Luiz Pinho e também dos alunos da Escola Municipal de Música que fazem parte dos projetos Cordas Friccionadas e da Banda Municipal Amadeu Mozart.

“Nós estamos vivendo o Natal desde agosto. Todas as escolas participantes estão se preparando, fazendo os ensaios, aprendendo as coreografias. As crianças participaram de oficinas de técnica vocal e também do minicurso de Libras para a comunidade escolar já que esse ano vamos apresentar canções em Libras”, explicou a assessora de Projetos da Semed, Alice Praseres.

A ideia de inserir a linguagem de sinais no repertório tem o objetivo de promover a inclusão e garantir a acessibilidade a todos os públicos como explica a coordenadora do Coral Mil Vozes de Natal, Adriana Garcês. “Tem sido fantástico, as crianças estão amando. A Libras é a segunda língua oficial do Brasil, então trabalhar com ela na escola é uma questão de cidadania, tolerância, solidariedade humana e principalmente de empatia, de se importar com o outro”.

ENSAIOS

Em cada ensaio é possível ver a alegria e a dedicação de meninos e meninas que tem entre 9 e 11 anos de idade. Na U.E.B Luiz Pinho, do bairro Divinéia, cerca de 200 crianças acompanhavam atentamente as orientações da professora para aprender as músicas e as coreografias para a cantata.

A estudante Lorena Ferreira, do 4º ano, é uma das mais animadas, tanto que já aprendeu todos os passos e já ensina os colegas. “Eu gosto bastante de cantar e quero ser cantora. Quando começamos os ensaios eu achei um pouco difícil, principalmente a parte de Libras, mas agora eu já aprendi e estou gostando muito”.

Para o Deyvian Caio, também do 4º ano, tudo é novidade pois essa será a primeira vez dele na cantada. “É muito legal participar, eu gosto muito de cantar. Estou muito animado porque vou me apresentar e minha família vai assistir”, disse.

A coordenadora da escola, Lylly Bandeira, destaca que a U.E.B Luiz Pinho já tem uma tradição no campo das artes e da música. Além da cantata, os alunos participam do Ópera para Todos, projeto do Colégio Dom Bosco, desenvolvido em parceria com a Prefeitura, por meio da Semed, e que conta com aulas de balé e teatro.

“A escola tem uma veia artística muito forte e nós vemos que a cultura é uma alternativa de educação fora do ensino regular. É uma forma de eles se expressarem em outros ambientes e em outras áreas. E esse ano a cantata traz a interpretação em Libras, que está ensinando a eles que irão conviver com pessoas diferentes, que há outras maneiras de se comunicar e de inserir na sociedade pessoas que não se comunicam com linguagem verbal”, opinou.

CANTATA NATALINA

A cantata Natalina Mil Vozes de Natal, será realizada em dezembro, às 19h, no Complexo Deodoro, Centro de São Luís. O evento é gratuito.  Reúne mil estudantes das escolas públicas municipais em uma só voz, abrangendo 5 escolas da rede, em uma apresentação com repertório de músicas mundialmente conhecidas desse período. O evento também oferece apresentações cênicas, exibição das atividades desenvolvidas por estudantes da Escola Municipal de Música, a chegada do Menino Jesus e a  visita do Papai Noel.

Acesse aqui a galeria de imagens desta reportagem