agencia

Notícias

Terça-feira, 29/10/2019 - 15h01

Com Centro de Controle Operacional, gestão do prefeito Edivaldo melhora ordenamento do trânsito da capital

Ferramenta possibilita o acompanhamento, em tempo real, de corredores viários e do sistema de transporte da capital proporcionando mais rapidez a atendimentos em ocorrências de trânsito

A- A+ Tamanho da Letra
Da Redação - Agência São Luís

Com Centro de Controle Operacional, gestão do prefeito Edivaldo melhora ordenamento do trânsito da capitalDesde que entrou em funcionamento, em 2016, o Centro de Controle de Operações (CCO) da Prefeitura de São Luís, coordenado pela Secretaria Municipal de Trânsito e Transportes (SMTT), vem correspondendo à expectativa de se consolidar como uma ferramenta fundamental no auxílio do ordenamento e controle do trânsito das vias de São Luís. O sistema, considerado como um pequeno complexo de comunicação e logística viária, possibilita o acompanhamento, em tempo real, de corredores viários e do sistema de transporte da capital. O complexo de vídeo monitoramento foi implantado pelo prefeito Edivaldo Holanda Júnior e conta com câmeras giratórias distribuídas em quatro regiões da cidade, todas integradas ao Centro de Controle Operacional.

Segundo o titular da SMTT, Canindé Barros, o CCO ajuda a intervir com mais rapidez em ocorrências de trânsito e transporte coletivo. “Casos de colisões e engarrafamentos são observados pelos operadores do Centro de Controle e comunicados às equipes de agentes em serviço nas ruas. A ação permite mais agilidade na busca de soluções para estas ocorrências ou para outras situações de competência da SMTT. Também são observados pelo CCO, os desvios realizados por linhas de ônibus do Sistema de Transporte da capital, neste caso, a linha é autuada pelo descumprimento da rota”, explicou o secretário.

Dentre as regiões contempladas pelas câmeras de monitoramento do trânsito, estão aquelas com maior número de acidentes e engarrafamentos. São elas, as avenidas Guajajaras, Jerônimo de Albuquerque, Guaxenduba, Beira-Mar, Avenida dos Holandeses, avenida Marechal Castelo Branco, Anel Viário, Daniel de La Touche, entre outras. 

O sistema de transporte também é monitorado em tempo real pelo Sistema de Gestão de Frota. Mas diferente do trânsito, esse acompanhamento do CCO é feito através do GPS existente nos coletivos. Pelo equipamento, toda a rotina do deslocamento dos ônibus é acompanhada pelo painel de controle, durante 24 horas -  movimento do validador (catraca eletrônica), biometria facial e bilhetagem eletrônica.  Por essas ferramentas, os operadores do CCO realizam as atividades de fiscalização, repassando os problemas detectados para os setores responsáveis para que sejam tomadas as devidas providências de acordo com cada caso.

Com esse controle, a SMTT conseguiu solucionar diversas reclamações de usuários do transporte urbano da capital. Dentre elas, a oferta do serviço de ônibus ‘Corujão’, que melhorou significativamente em relação ao cumprimento de viagens e a intensificação da fiscalização sobre o desvio de rotas e itinerários. Nestes casos, o número de reclamações diminuiu bastante, se comparado à quantidade recebida antes da implantação do CCO, pois para todas essas situações, uma notificação é enviada ao consórcio responsável para que sejam tomadas as providências necessárias, sob pena de multa em caso de descumprimento das normas.

  Acesse aqui a galeria de imagens desta reportagem