agencia

Notícias

Quarta-feira, 22/01/2020 - 13h55

Prefeitura de São Luís incentiva geração de renda e fortalece a cultura local com capacitações no Museu da Gastronomia

Aulas têm parte teórica e prática e esta edição apresentou receitas com jaca; primeira-dama Camila Holanda acompanhou a oficina

A- A+ Tamanho da Letra
Da Redação - Agência São Luís

Gestão do prefeito Edivaldo fortalece a cultura local com capacitações no Museu da Gastronomia

A Prefeitura de São Luís,  por meio da Secretaria Municipal de Turismo (Setur), capacitou novos alunos durante a primeira oficina de gastronomia de 2020 realizada no Centro de Culinária Típica do Museu da Gastronomia Maranhense. Com o tema jaca, os participantes aprenderam a fazer fricassé, empadão e doce da fruta. Estas oficinas têm como objetivo resgatar a culinária local repassando receitas com produtos da terra para ludovicenses e turistas. A primeira-dama Camila Holanda acompanhou a preparação dos pratos e ressaltou a importância da participação da comunidade nestas oficinas.

“A gestão do prefeito Edivaldo inaugurou o Museu da Gastronomia Maranhense no ano passado e desde então temos realizado oficinas tendo como principal ingredientes produtos maranhenses. Por meio das oficinas a Prefeitura está promovendo a capacitação de dezenas de pessoas e fomentando a geração de emprego e renda”, disse a primeira-dama Camila Holanda. 

Para a secretária municipal de Turismo, Socorro Araújo, essas oficinas são uma oportunidade, também, de mostrar a riqueza da culinária local é como ela pode ser aproveitada. “O Museu da Gastronomia Maranhense possui um acervo riquíssimo e também tem esse lado prático, onde o público pode aprender na cozinha sobre a culinária local. As oficinas, que segue orientação do prefeito Edivaldo, são realizadas quinzenalmente e sempre divulgamos a abertura das inscrições nos meios oficiais de comunicação da Prefeitura”, explicou a gestora.

As oficinas realizadas no Museu contam com a parceria do Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (Senac), que disponibiliza um instrutor para ensinar a parte prática das receitas aos participantes. A Setur ensina aos alunos sobre a diversidade cultural e gastronômica de São Luís por meio de aulas teóricas realizadas no auditório do Museu, que fica localizado na rua da Estrela, n. 82, no Centro.

Os módulos das aulas teóricas das oficinas abordam temas como atrativos turísticos, história e gastronomia maranhense. No mesmo dia das aulas iniciais, os alunos fazem um tour pelo Museu para conhecer as especificidades da culinária local, além de apreciarem o espaço totalmente revitalizado e em pleno funcionamento no Centro Histórico de São Luís, dando mais uma opção de lazer para população maranhense e todos que visitam a cidade.

Além de ensinar a gastronomia para os maranhenses, essas oficinas também oportunizam os turistas de saberem mais sobre a cidade. Na oficina de jaca, o italiano Gregório de Caetano e a argentina Rocio Terrussi que estão fazendo intercâmbio em São Luís, resolveram aproveitar esta oportunidade. “A jaca não é comum na Itália, foi muito bom conhecer esse produto, saber mais sobre a cidade e também produzir e degustar as receitas que fizemos. Foi uma experiência bem diferente”, disse Gregório. “A parte mais interessante foi participar de algo tão diferente em um Museu, eu não esperava por isso”, complementou a argentina Rocio Terrusi. 

Acesse aqui a galeria de imagens desta reportagem