agencia

Notícias

Quarta-feira, 17/06/2020 - 08h43

Prefeitura de São Luís segue com ações de combate à Covid-19 e reforça os serviços voltados para o transporte urbano da capital

Desde o começo da pandemia, o prefeito Edivaldo tem trabalhado para conter o avanço da doença e uma das áreas que recebeu atenção especial foi o transporte urbano; higienização dos veículos e obrigatoriedade do uso de máscaras nos ônibus são algumas das ações da gestão municipal

A- A+ Tamanho da Letra
Da Redação - Agência São Luís

Prefeitura de São Luís intensifica ações de combate à Covid-19 e reforça ações voltadas para o transporte urbano da capitalDesde que foram identificados os primeiros casos do novo coronavírus (Covid-19) na capital, a Prefeitura de São Luís iniciou uma série de ações para conter o avanço da doença na cidade. As medidas que atendem às recomendações da Organização Mundial da Saúde, foram implementadas e intensificadas pela gestão do prefeito Edivaldo Holanda Junior ao longo dos últimos meses visando reduzir os índices de contaminação. E dentre os serviços que recebem atenção da gestão municipal, está o transporte urbano de São Luís.  

A higienização diária dos ônibus, que é feita nas garagens, pontos finais e terminais de integração, foi uma das primeiras medidas tomadas pela Secretaria Municipal de Trânsito e Transportes (SMTT), seguindo orientação do prefeito Edivaldo, para garantir segurança aos usuários durante as viagens. Também foi estabelecida a circulação dos veículos com o ar-condicionado desligado e com vidros das janelas abertos, além do uso obrigatório de máscaras por motoristas, cobradores e passageiros.

De acordo com o secretário da SMTT, Israel Pethros, a SMTT tem cumprido com o dever de fiscalizar as medidas de prevenção adotadas.  “A SMTT tem monitorado, diariamente, se as medidas de prevenção estão, de fato, sendo cumpridas pelas empresas que prestam o serviço de transporte na capital, mas é importante ressaltar que, para que as medidas se tornem eficazes, é necessária a colaboração da população. Por essa razão, estamos utilizando, quase que diariamente, os meios de comunicação para conscientizar os usuários sobre a obrigatoriedade do uso da máscara dentro dos ônibus e sobre as regras de distanciamento social nas filas, durante a espera pelo coletivo dentro dos terminais de integração”, explicou o secretário.

Também é importante destacar a ação desenvolvida pelo Comitê Gestor de Limpeza Urbana da Prefeitura, que mantém a higienização dos terminais, garantindo mais segurança à população que utiliza o espaço. "No entanto, a adoção de hábitos higiênicos e, principalmente, o isolamento ainda são o melhor caminho para controlar a disseminação da doença”, complementou o secretário.

CONTROLE

Segundo o superintendente de Transportes da SMTT, Marlus Melo, desde o mês de março o órgão tem monitorado, por meio do Centro de Controle Operacional (CCO), o fluxo de passageiros e de coletivos em operação que, com as regras de isolamento social e, em seguida, lockdown, diminuiu quase que 90%, mas que, levando em consideração a necessidade de deslocamento, principalmente, dos trabalhadores que atuam na linha de frente, a SMTT manteve durante aquele período a frota de 50% até o relaxamento das medidas. E que, na atual conjuntura, tem mantido a frota em sua totalidade operando dentro de São Luís.

“A Secretaria Municipal de Trânsito tem buscado solucionar algumas dificuldades junto às empresas para melhor atender à população. Mas precisamos salientar que, mesmo com a abertura do comércio na capital, ainda é muito importante que as pessoas só saiam de casa se, de fato, for necessário, para que não haja excesso de passageiros e, dessa forma, a gente consiga garantir mais conforto e segurança àquelas pessoas que realmente precisam utilizar o transporte público para se locomover”, disse Marlus Melo.

Ainda para evitar aglomerações, a SMTT também adotou algumas providências voltadas para a população beneficiada com os serviços de gratuidade ofertados pelo órgão. Foi estendida, por tempo indeterminado, o prazo de validade dos cartões de gratuidade do serviço do transporte público. A medida visa evitar que os usuários saiam de suas casas para a renovação do benefício, garantindo o cumprimento do isolamento social, principalmente de pessoas do grupo de risco, no caso das pessoas idosas.

Acesse aqui a galeria de imagens desta reportagem