agencia

Notícias

Quinta-feira, 15/08/2019 - 08h36

Prefeitura de São Luís implanta novo sistema de limpeza na Avenida Litorânea com coleta direta nos bares

Ação faz parte da macropolítica de resíduos sólidos da gestão do prefeito Edivaldo; contêineres para descarte de lixo estão sendo substituídos por sistema de coleta feito diretamente nos bares por agentes de limpeza; para as residências ao longo da via o serviço de coleta não será alterado

A- A+ Tamanho da Letra
Da Redação - Agência São Luís

Gestão do prefeito Edivaldo reordena e torna mais eficiente serviço de limpeza urbana da Avenida LitorâneaA Prefeitura de São Luís, por meio do Comitê Gestor de Limpeza Urbana realizou esta semana uma ação para a retirada dos contêineres para descarte de lixo ao longo da Avenida Litorânea. A medida faz parte do reordenamento dos serviços de limpeza urbana ao longo da via. Com a retirada dos equipamentos está sendo implantado um novo sistema de descarte e coleta na orla da cidade, que agora terá rota e horário específicos para os bares. A coleta diferenciada teve início nesta quarta-feira (14). O reordenamento do serviço de limpeza urbana ao longo da Avenida Litorânea integra a macropolítica de gestão de resíduos sólidos implantada na gestão do prefeito Edivaldo Holanda Junior.

Antes da mudança, o lixo produzido pelos bares da Avenida Litorânea era colocado nos 20 contêineres espalhados pela avenida, o que causava o descarte irregular. Com o novo modelo de coleta, cada bar terá de fazer o acondicionamento dos seus resíduos em suas dependências e não mais dispor na via pública, e entregar diretamente ao agente de limpeza urbana em horários pré-determinados.

Às segundas o horário de recolhimento será 9h e 21h; de terça a sexta-feira, a coleta ocorrerá às 21h; sábados às 9h e 21h e domingos às 9h e 15h. A partir desta quinta-feira (15) equipes de educação ambiental do Comitê Gestor de Limpeza Urbana irão explicar para cada dono de bar como funcionará o serviço de coleta e como deverá ser feito o acondicionamento do resíduo.

A presidente do Comitê Gestor de Limpeza Urbana, Carolina Moraes Estrela, explica que a medida vai tornar o serviço de limpeza urbana mais eficiente na via. "A medida segue orientação do prefeito Edivaldo. A mudança acontece  após reuniões com a Associação dos Microempreendedores do Ramo de Bares e Restaurantes da Avenida Litorânea (ASLIT). Com este novo modelo de coleta teremos maior controle do tipo e quantidade de resíduo produzido por cada bar. Este período inicial será de adaptação tanto para os nossos serviços quanto para os bares, mas à medida que formos fechando as etapas deste novo modelo de coleta na Litorânea vamos fazendo as adequações necessárias e os frequentadores logo irão perceber a mudança já que a avenida vai ficar mais limpa", disse.

Para garantir a operação foram mobilizadas para a Avenida Litorânea diversas equipes de diferentes frentes de trabalho do Comitê Gestor de Limpeza Urbana. Além da retirada dos contêineres foi feita a limpeza com a máquina de lavagem hidrotérmica de todas as áreas em que os equipamentos ficavam instalados. Foram feitos ainda serviços de capina manual e retirada de areia do entorno dos antigos contêineres.

NOVAS LIXEIRAS

Também foi feita a substituição das lixeiras para uso dos frequentadores da via. Agora haverá uma lixeira a cada 50 metros para descarte de garrafa PET, resíduos de papel e outros de pequenos volumes. A segunda etapa do reordenamento do serviço de limpeza urbana da Avenida Litorânea será referente ao comércio de coco.

A partir de agora os vendedores de coco serão responsabilizados pelo descarte ambientalmente adequado do resíduo gerado a partir do consumo do produto sob pena das sanções previstas na Lei Municipal N° 6.321/2018, que organizou o Sistema de Limpeza Urbana de São Luís.

LIMPEZA NA LITORÂNEA

Para as residências ao longo da via o serviço de coleta não será alterado, cabendo aos moradores fazer a disposição do resíduo doméstico, conforme os dias e horários da coleta. Os demais serviços de limpeza da Avenida Litorânea seguirão sendo prestados regularmente e serão reforçados. Todos os dias são executadas ações de varrição, catação e remoção dos resíduos descartados na faixa de areia ou na área urbanizada da Litorânea.

Além dos agentes de limpeza, são utilizadas ainda caçambas e retroescavadeiras para recolher o lixo descartado irregularmente na praia. Na faixa de areia ao longo da Avenida Litorânea, uma das principais áreas turísticas da cidade, é mantido ainda um plantão de varrição todos os domingos. 

POLÍTICA DOS GRANDES GERADORES

O reordenamento do serviço de limpeza urbana ao longo da Avenida Litorânea e a implementação da coleta programada para os bares também integra a política de fiscalização dos grandes geradores de resíduos sólidos. Segundo a Lei Municipal N° 6.321/2018, são considerados grandes geradores aqueles que produzem a partir de 200 litros de resíduos diariamente. Neste caso, cabe ao gerador gerenciar a coleta e transporte do seu resíduo. Para terem acesso ao serviço de limpeza urbana municipal os grandes geradores precisam limitar sua geração a 200 litros de resíduos.

Acesse aqui a galeria de imagens desta reportagem