agencia

Notícias

Quarta-feira, 23/10/2019 - 18h07

Prefeitura de São Luís promove curso de manipulação de alimentos para trabalhadores que atuam em arenas esportivas da capital

Ação da gestão do prefeito Edivaldo feita em parceria com o Governo do Estado é voltada para qualificar comerciantes da área da alimentação

A- A+ Tamanho da Letra
Da Redação - Agência São Luís

Prefeitura promove curso de manipulação de alimentos para trabalhadores que atuam em arenas esportivas da capitalVendedores de bares e ambulantes que atuam em estádios e ginásios esportivos da capital maranhense participaram, nesta quarta (23) e quinta-feira (24), do curso Boas Práticas de Manipulação de Alimentos. Oferecido pela Prefeitura de São Luís, por meio da  Secretaria Municipal de Segurança Alimentar (Semsa), o curso foi realizado em parceria com o Governo do Estado via Secretaria de Estado de Esporte e Lazer (Sedel), no auditório do órgão. Cerca de 40 pessoas participaram da capacitação que faz parte das ações da gestão do prefeito Edivaldo Holanda Junior para a melhor qualificação dos comerciantes da área alimentícia e segurança alimentar.

A secretária municipal de Segurança Alimentar, Fatima Ribeiro, destaca a grande procura pela capacitação e sua importância para a venda dos alimentos. “Sempre temos turmas expressivas neste curso, que é bastante procurado. O que percebemos é que ainda há falta de conhecimento sobre normas simples de manipulação de alimentos, legislação sanitária e forma adequada de apresentação pessoal e dos produtos. O curso, que segue orientação do prefeito Edivaldo, orienta, educa e capacita para o trato adequado com os alimentos”, reforça a gestora. 

Durante o curso, os participantes aprenderam sobre formas adequadas de manusear os alimentos e evitar contaminações, armazenamento ideal, técnicas para higienização das mãos e tipos de micro-organismos que podem contaminar os alimentos. Também foram abordados assuntos como cuidados com a higiene pessoal, o uso de equipamentos de proteção individual como luvas, avental e calçados, e as doenças transmitidas pelos alimentos, bem como as formas para preveni-las.

SEGURANÇA

A capacitação tem o objetivo de promover o melhor desempenho da atividade comercial e certifica o aluno para trabalhar no setor de serviços de alimentação e nos processos de manipulação e produção de alimentos de forma segura. “A gente tem que pensar nas pessoas que vão consumir os alimentos que estão sendo comercializados. Existem diversos cuidados que devemos ter durante a manipulação na produção para evitar a contaminação e, consequentemente, aumentar o risco de doenças nos consumidores”, instruiu a nutricionista da Semsa, Michele Braid, que ministrou a capacitação.

O curso Boas Práticas de Manipulação de Alimentos é uma exigência e determinação da Vigilância Sanitária Municipal para o comércio de alimentos. Os trabalhadores precisam ter essa formação e certificado para atuarem de forma legal na sua atividade. Isso faz com que o curso seja muito importante e procurado.

Participante do curso, Kelen Regina Abreu trabalha há mais de 10 anos no ramo e frequentemente participa de capacitações como esta. “Já participei de outros cursos como este e tenho muita experiência no mercado, mas é sempre bom aprender ainda mais e ver que outras pessoas estão interessadas em vender um produto de qualidade. É muito importante. Quem ganha são os consumidores”, disse Kelen, que trabalha vendendo lanches no Ginásio Gilberto Alves, no Bairro de Fátima.

Acesse aqui a galeria de imagens desta reportagem