agencia

Notícias

Segunda-feira, 11/11/2019 - 15h27

Prefeitura de São Luis capacita servidores da saúde com curso de Aperfeiçoamento em Língua Portuguesa e Oratória

Objetivo da formação foi qualificar a comunicação na abordagem prática dos profissionais e potencializar as visitas às residências em ações de combate ao mosquito Aedes aegypti

A- A+ Tamanho da Letra
Da Redação - Agência São Luís

Prefeitura de São Luis capacita servidores da saúde com curso de Aperfeiçoamento em Língua Portuguesa e OratóriaA Prefeitura de São Luís, por meio da Secretaria Municipal de Saúde (Semus) encerrou, na sexta-feira (8), na Escola de Governo e Gestão Municipal de São Luís (EGGEM), no Renascença, o curso de aperfeiçoamento em língua portuguesa com agentes comunitários e de endemias de saúde. O objetivo do trabalho foi qualificar a comunicação escrita e falada como ferramenta na abordagem prática dos profissionais no dia a dia. Uma das metas é associar, com as visitas às residências pelos agentes, a boa comunicação no trato das enfermidades causadas pelo mosquito Aedes aegypti. O curso integra a ações colocadas em prática na gestão do prefeito Edivaldo Holanda Junior voltadas para a valorização dos servidores municipais. 

“Não basta ter o conhecimento técnico. É preciso saber repassar a informação correta e da melhor forma possível. Nossos profissionais têm estas e outras habilidades, no entanto, gestão do prefeito Edivaldo é pautada pelo contínuo aperfeiçoamento em todos os setores e a promoção deste curso reforça esta determinação”, disse o secretário municipal de Saúde, Lula Fylho. 

A capacitação, que começou na terça-feira (5), teve 64 horas de duração e foi coordenada pela Escola Técnica do Sistema Único de Saúde (ETSUS). A maior parte do tempo de trabalho foi usada para que os profissionais adotem formas diversas para se comunicar com os moradores durante o importante trabalho de orientação, por exemplo, quanto ao controle de doenças, especialmente zika, dengue e chikungunya.

Além de palestras, foram executadas dinâmicas para estimular a boa oratória e dar ainda mais desenvoltura aos servidores. A segunda turma deve ser capacitada nas próximas semanas, em data a ser confirmada.

Para a coordenadora geral do ETSUS, Janete Nakatami, a ação foi considerada positiva. “Nossos servidores têm ótimas bagagens culturais, e isso facilitou nosso trabalho. Além disso, ter o conhecimento técnico é de suma importância na abordagem com o cidadão ou cidadã”, reforçou.

 Acesse aqui a galeria de imagens desta reportagem