agencia

Notícias

Quarta-feira, 04/03/2020 - 17h45

Prefeitura de São Luís e Governo do Estado levam esporte e lazer às mulheres encarceradas na Unidade de Ressocialização Feminina

Ação prevê a realização de atividades com objetivo contribuir para a ressocialização das detentas; iniciativa integra as estratégias da gestão do prefeito Edivaldo de estímulo à prática de atividades físicas da população

A- A+ Tamanho da Letra
Da Redação - Agência São Luís

Prefeitura de São Luís e Governo do Estado levam esporte e lazer às mulheres encarceradas da capitalUma série de atividades passará a ser oferecida pela Prefeitura de São Luís e Governo do Estado às mulheres encarceradas na Unidade de Ressocialização Feminina (UPEFEM) da capital, após Termo de Cooperação celebrado entre a Secretaria Municipal de Desportos e Lazer (Semdel), Defensoria Pública do Estado do Maranhão (DPE/MA) e a Secretaria de Estado da Administração Penitenciária (Seap). O acordo prevê o oferecimento de atividades físicas e recreativas e será implantado como forma de contribuir para a ressocialização das detentas. A iniciativa integra as estratégias da gestão do prefeito Edivaldo Holanda Junior de estímulo à prática de atividades físicas e ao bem-estar da população. 

De acordo com titular da Semdel, Rommeo Amin, o projeto parte da necessidade de apresentar meios de ressocialização às mulheres presas, no intuito de colaborar com a saúde física, mental e psíquica de cada uma delas. “O esporte é não somente uma forma, mas um combustível para que as detentas possam se inserir na sociedade. Atividades físicas e esportivas promovem a integração entre diversas pessoas, e o que elas mais precisam é se sentir abraçadas por todos. Para isso, o esporte tem fundamental importância, pois é uma das maneiras mais eficazes de atingir esse objetivo na sociedade em que vivemos”, destacou. 

A Prefeitura de São Luís se comprometeu, na celebração do ato, a disponibilizar profissionais de educação física para realização de atividades físicas e esportivas na unidade prisional, na busca de contribuir para a ressocialização de mulheres presas. O projeto objetiva contribuir, ainda, para a recuperação da autoestima das detentas, além de ajudar na superação de sentimentos como tristeza, ansiedade e violência que são habituais das unidades prisionais.

A DPE/MA, como integrante e apoiadora do projeto idealizado pela Semdel, ficou responsável por disponibilizar transporte para o deslocamento dos profissionais de educação física à UPEFEM, bem como por fornecer calçados adequados para as internas realizarem as atividades físicas, além de garantir atendimento jurídico às mulheres participantes. Já a Seap vai garantir o espaço físico com equipagem de som para a realização das atividades esportivas, além de fornecer insumos e as equipagens que deverão ser distribuídas às detentas.

A gestão do prefeito Edivaldo estimula a prática de atividade física coletiva e em local público  como mais uma forma de melhoria da qualidade de vida da população. O programa Dançando nos Bairros, por exemplo, desponta como umas das principais atividades desenvolvidas neste sentido. 

Acesse aqui a galeria de imagens desta reportagem