agencia

Notícias

Segunda-feira, 06/07/2020 - 08h06

Prefeitura de São Luís mantém atividades do programa Banda Juvenil com aulas online

Executado pela Guarda Municipal, programa teve de parar as aulas presenciais por conta da Covid-19, mas alunos e professores têm usado a internet para continuar a prática musical; ação integra as políticas de proteção à infância da gestão do prefeito Edivaldo

A- A+ Tamanho da Letra
Da Redação - Agência São Luís

Prefeitura de São Luís mantém atividades do programa Banda Juvenil com aulas online

O programa Banda Juvenil da Prefeitura de São Luís, executado pela Guarda Municipal, guarnição vinculada à Secretaria Municipal de Segurança com Cidadania (Semusc), mesmo durante a pandemia do novo coronavírus (Covid-19)  mantem a interação entre professores e alunos por meio de plataformas digitais, com aulas online programadas semanalmente. O objetivo é fazer com que os meninos e meninas que fazem parte do projeto não se dispersem e continuem com as aulas e práticas musicais enquanto perdurar o distanciamento social necessário para combater a doença. Programa integra as políticas de proteção à infância e cidadania da gestão do prefeito Edivaldo Holanda Junior. 

As aulas online tiveram início em junho. Por enquanto, somente alunos do polo do programa implantado no bairro Coroadinho estão participando das reuniões virtuais. Como nem todos os integrantes da Banda Juvenil têm acesso a instrumentos e à internet, as atividades por meio do espaço digital ocorrem em horários predefinidos, seguindo uma escala de atividade alternada.

Essa escala de atividade alternada obedece horários de aulas regulares online dos integrantes da Banda Juvenil, pois todos são alunos da rede pública municipal ou estadual de ensino e também à escala de trabalho dos guardas municipais da GMSL da Prefeitura, que são professores voluntários no projeto da banda.

No momento, as aulas online da Banda Juventil contam com a participação de 12 estudantes do polo Coroadinho. Todos possuem instrumentos musicais e disponibilidade para as atividades via plataforma. “Para isso, todos passaram por entrevistas, com levantamentos de dados sobre suporte, computador e celular com internet.  As práticas musicais são ministradas por três integrantes voluntários da GMSL que já desenvolvem o projeto”, informa o secretário Municipal de Segurança com Cidadania, Heryco Coqueiro.

Segundo o coordenador do projeto Banda nos Bairros da Guarda Municipal de São Luís, Franklin Melo, as aulas online possibilitam a continuidade da iniciativa, mesmo não alcançando a totalidade de alunos, pois mantém um grupo pronto e utilizando instrumentos, recebidos por meio de doações, que não podem ficar parados pois os alunos não teriam recursos para fazer a manutenção desses equipamentos.

“A iniciativa de usar as plataformas digitais para manter o vínculo com os estudantes e as atividades virtuais do projeto visam minimizar esse momento trazido pela pandemia do coronavírus”, destaca Franklin Melo.

Nos próximos dias, os alunos deverão gravar um vídeo, individualmente, da música "Como Uma Onda", do cantor Lulu Santos, como forma de encerrar esse momento de convívio por meio do mundo digital e para que a mesma seja apresentada nos núcleos do projeto, quando as aulas presenciais forem liberadas.

PROJETO

O projeto Banda Juvenil teve início com uma aula inaugural no bairro Coroadinho, promovida no ano de 2014. Na ocasião, após passar por um seletivo, 50 alunos começaram a ter aulas com guardas municipais voluntários.

Antes da pandemia do novo Coronavírus,  polos do projeto Banda Juvenil já estavam em funcionando nos bairros Primavera, Vila Conceição e Coroadinho. Além de capacitar crianças e adolescentes para a inserção nas práticas culturais, o projeto  acaba por contribuir para que as próprias comunidades que fazem parte da inciativa se vejam valorizadas e haja, consequentemente, redução de índices de criminalidades naquela determinada região.

Acesse aqui a galeria de imagens desta reportagem